‘Teste de imagens’ com profissionais de RH mostra que racismo institucional existe SIM

“Ah, mas racismo não existe”, “isso coisa de gente vitimista”, “então tem que ter o dia da consciência branca”, essas e outras frases que negros escutam diariamente para tentar minimizar uma situação que existe SIM, o Racismo institucional.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Segundo dados do IBGE, 82,6% dos negros afirmam que a cor da pele influencia nas oportunidades de trabalho. Uma realidade que se confirma em outros números: profissionais negros ganham em média 36% menos que os brancos, ocupam apenas 18% dos cargos de elite e são 60,6% dos desempregados. Entre os muitos fatores que mais contribuem para essas estatísticas, está o Racismo Institucional, problema que se manifesta quando instituições públicas ou privadas atuam de forma diferenciada em relação a uma pessoa por conta da sua origem étnica, cor ou cultura, privando-a de oportunidades profissionais e sociais diariamente.

Para chamar atenção para esse problema grave, o Governo do Paraná em parceria com a Assessoria Especial da Juventude e o Conselho Estadual de Promoção da Igualdade Racial, assinam a campanha “Teste de Imagem”, criada pela Master Comunicação. Nela, profissionais de RH reais foram convidados para um experimento:

Primeiro eles foram separados em dois grupos. Depois, um mediador mostrou ao grupo 1 imagens de pessoas brancas em situações comuns do dia-a-dia. Já o segundo grupo viu imagens com as mesmas situações, mas com pessoas negras. O resultado foi alarmante, a grande maioria das respostas dos RHs do segundo grupo, colocou os negros em posição social inferior à dos brancos, muitas vezes os descrevendo de maneira pejorativa. Isso que mostra que mesmo sem perceber, muita gente ainda comete atos de racismo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

+Experimento na Lituânia mostra como pessoas reagem em uma situação de racismo

Campanha contra racismo institucional

Além dos filmes que trazem as reações dos RH’s, a campanha também conta com mídia impressa e um site, o contraracismo.pr.gov.br, que traz informações e estatísticas sobre o racismo institucional:

 racismo institucional existe SIM  racismo institucional existe SIM

Crédito: divulgação

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,782,693SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Mãe pedala mais de cinco horas todos os dias para acalmar filho autista em SC

Os passeios diários são sagrados para a mãe, que costuma sair às 13h casa, voltando às 16h para um breve café, e retornando às ruas logo em seguida.

Papai Noel Negro tem recepção calorosa em shopping de Salvador: “Isso é importante”

Quem personifica o Papai Noel neste ano é o aposentado Ubirajara Pereira, o Seu Bira, de 66 anos. Ele disse que ficou surpreso ao receber o convite e que agora está se divertindo com a criançada.

Campanha de conscientização da luta contra o câncer de mama iluminará o Cristo Redentor, no Rio

A Fundação Laço Rosa e a Américas Amigas, organizações sem fins lucrativos, planejam uma grande intervenção no Cristo Redentor, no próximo dia 5 de...

Menino que vendia desenhos para consertar sua bicicleta ganha bike novinha de desconhecido

Um reconhecimento pelo esforço do garoto e também um incentivo para ele correr atrás de sonhos futuros!

‘Um tapa na cara da gente’, diz Padre Fábio de Melo após conhecer travesti

O Padre Fábio de Melo relatou uma experiência que teve no aniversário da cantora Alcione, no Rio de Janeiro, surpreendente, como ele mesmo definiu....

Instagram