Após 2 anos, tetraplégico dança música tocada no casamento com a esposa

Existem sonhos que nunca devem ser esquecidos, e este homem que ficou tetraplégico não desistiu do dele.

Há diversos tratamentos viabilizando uma série de avanços para quem possui alguma limitação física, como a de um jovem tetraplégico recupera movimento dos braços após tratamento com células-tronco (relembre aqui) ou ainda de um brasileiro tetraplégico que está voltando a andar depois de um tratamento inovador, aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em dezembro de 2009, o americano Joel Jackson, de 26 anos, teve o seu carro atingido por um motorista que estava alcoolizado. Joel foi arremessado a uma distância de meio campo de futebol e ficou tetraplégico.

Quatro anos depois, em 2013, ele se casou com Lauren, namorada dos tempos de colégio, que reatou o namoro com Joel após o acidente. O desejo da esposa era dançar com o marido a música tocada na cerimônia.

Com o auxílio de um cinto de gravidade, dois anos depois, eles finalmente realizaram esse sonho. “Eu estava em êxtase. Foi um daqueles momentos de tirar o fôlego”, disse Lauren. O casal contou com o suporte da equipe médica do hospital Brooks Rehabilitation, na Flórida, Estados Unidos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também:

Youtuber “mirim” espalha anúncios escritos à mão para chegar a 5 mil inscritos em seu canal

Mensagem de despedida do dublador de Wolverine emociona internautas

Professor ribeirinho do Amazonas concorre ao ‘Prêmio Nobel’ da Educação

via [Hypeness]

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,275,963SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Jovem com Síndrome de Down realiza sonho de apresentar a previsão do tempo na França

“Sou diferente, mas gostaria de mostrar a todo mundo que posso fazer várias coisas”, disse Mélanie Ségard.

Poema sobre o amor de um homem com Transtorno Obsessivo-Compulsivo

O escritor Neil Hilborn já ganhou diversos prêmios de poesia e escrita criativa. Nesse poema, ele expõe seu próprios sintomas de Transtorno Obsessivo-Compulsivo (TOC),...

Centenas de refugiados são recebidos como heróis na Alemanha

A fanpage do site AJ+ publicou um vídeo onde vemos centenas de refugiados recebendo uma recepção como verdadeiros heróis na Alemanha. Pessoas viajaram para estações...

Após ter a casa incendida pelo ex-marido, internautas criam vaquinha para ajudar vendedora

O ex-marido da Samara botou fogo na casa da vendedora de semijoias, que precisou sair correndo com seu bebê de apenas 8 meses no...

Jovens criam agência de intercâmbio que conecta pessoas que querem fazer o bem

Nós da equipe do Razões para Acreditar somos fãs de gente que procura fazer o bem para as pessoas e adoramos divulgar histórias como essa...

Instagram

Após 2 anos, tetraplégico dança música tocada no casamento com a esposa 1