“Tio do Lanche” recebe apoio nas vendas após foto viralizar nas redes sociais

Os moradores de Corumbá (MS) provavelmente receberam uma imagem na segunda-feira (13), pelo WhatsApp ou Redes Sociais, pedindo ajuda para o Sr Wadinho, ou o “Tio do Lanche”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A imagem mostrava ele fechando o seu trailer de lanches, que fica em uma avenida tradicional da cidade. O Sr. Wadinho tem 82 anos e vende lanches por aqui há 15 anos. Na segunda, ele não tinha vendido um lanche e assim estava sendo desde o início do isolamento.

E precisou apenas 24 horas para tudo mudar para o Sr. Wadinho. As pessoas da cidade compartilharam a imagem dele e pediam apoio para ajudar nas vendas. O pedido era bem simples: bastava ir no trailer e comprar um lanche.

Leia Também: Solidariedade! Pizzaria de SP recebe milhares de pedidos após ser furtada

O pedido de apoio deu super certo e na terça-feira (14), o trailer do Sr. Wadinho estava repleto de clientes.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Não esperava isso tudo. É muito bom saber que as pessoas se mobilizaram e estão aqui me dando essa força. É uma tristeza ver esse local vazio, mas hoje, a alegria voltou”, disse Wadinho quando soube da corrente do bem.

Não tenho como agradecer, fui pego de surpresa e confesso que não estava preparado para atender os clientes, pois desde que a pandemia começou, em média, quando o movimento é bom, vendo em torno de oito lanches, mas realmente tem dia que não sai nada, como ontem (se referindo a imagem que circulou pela redes na segunda-feira). É daqui que tiro meu sustento e ver toda essa cena só me faz ter forças ainda mais”, completou.

Leia também: Internautas se comovem e salvam loja de tecidos de vovô que pediu ajuda nas redes sociais

idoso fazendo lanche

O movimento foi tão intenso que até o chinelo de Wadinho quebrou enquanto ele estava servindo os clientes. Ainda assim ele não perdeu a desenvoltura.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Meu chinelo arrebentou, estou dando tudo de mim para atender cada uma das pessoas que estão vindo, peço desculpas se não consegui atender, mas olha, estou maravilhado com tudo isso”, falou o Tio do Lanche.

Leia também: Desempregada, mulher improvisa lojinha simples dentro de casa apenas com doações e comove internautas

O trailer ficou aberto até as 21h, obedecendo o “toque de recolher” que foi implementado na cidade. “Temos que seguir todas as recomendações, eu uso minha máscara e cumpro meu horário de funcionamento. Sei que isso tudo vai passar e vamos voltar à rotina“, disse.

tio do lanche

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Entre os clientes estava o garçom Marcos Apodaca, que mesmo estando desempregado, fez questão de ajudar o senhor. Também estava o militar aposentado, Tadeu Rodrigues, que foi até o trailer com as duas filhas.

Tadeu não conseguiu comprar o lanche, mas disse que estava muito feliz com o resultado da campanha para Wadinho. “Estamos felizes porque deu certo. Isso mostra que as pessoas estão solidárias, mesmo passando por um momento difícil”, mencionou Tadeu.

Wadinho vendeu mais de 45 lanches e ainda ganhou apoio para comprar ingredientes. Ele também recebeu escolta da polícia militar para retornar até a sua casa em segurança.

Veja também:

 

FONTE: Diário Online

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,780,571SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Homem e gata cega vivem aventuras incríveis no alto de uma montanha

Patrick Corr, de 28 anos, levou sua gatinha cega, Stevie, para subir uma montanha e sentir a beleza do lugar. “Só porque ela não pode...

Crianças cantam ‘Parabéns’ baixinho para não chatear a amiga aniversariante, que tem autismo [VIDEO]

A gente tem que aprender muito com as crianças, a começar pela empatia extraordinária que elas exibem no dia a dia. Alguns dias atrás, a...

Ela tem a melhor explicação para dizer aos filhos que o avô casou com outro homem

O que caracteriza uma família? Deveria ser apenas o amor, não é mesmo? E é exatamente sobre isso que fala esta história, enviada ao...

Time de futebol salva casal de idosos preso em carro capotado

Após serem campeões de um torneio, os "Cavaleiros Negros" salvaram um casal de idosos preso em um carro capotado

Universidade Federal de Roraima (UFRR) tem o primeiro reitor indígena do Brasil

O novo reitor será importante para ampliar o acesso dos povos indígenas no ensino superior do país, na graduação e pós-graduação. “Queremos, com muito diálogo e com uma gestão compartilhada, trabalhar para ampliar o ensino superior para os povos indígenas”, afirma o reitor.

Instagram