Revista especial da Turma da Mônica aborda epilepsia de forma didática

A Mauricio de Sousa Produções, em parceira com a Genom, lançou uma revista especial sobre epilepsia com a Turma da Mônica. Com o título “O Que Está Acontecendo”, a edição apresenta a história do personagem Haroldo, que tem epilepsia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“O objetivo é desestigmatizarmos a doença e também dar dicas de como proceder quando estiver diante de uma pessoa em crise convulsiva”, afirma o diretor Executivo da Genom, Vagner Nogueira.

Tratamento para rapaz autista que precisa ficar amarrado

Haroldo tem 7 anos e foi criado especialmente para abordar o tema. Ocasionalmente, ele sofre com crises convulsivas que esse distúrbio causa. O menino sonha em ser médico, assim como a mãe, que é sua melhor amiga.

Ela o ajuda a superar os desafios que todo epilético enfrenta, como a dificuldade de fazer novos amigos que o tratem de forma natural, sem medo ou discriminação.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A edição apresenta um enredo que mostra Cebolinha e Cascão brincando com Haroldo. Quando ele sofre uma crise convulsiva, sua mãe entra na história explicando, de forma didática e lúdica, o que é a doença e o que fazer nesses casos.

cascão cebolinha turma da mônica brincando personagem tem epilepsia

Parceria com a Turma da Mônica

Milhares de revistas serão entregues pela União Química para médicos neurologistas de todo o país, para que sejam distribuídas aos pacientes e seus familiares. “Nossa ideia é ampliar a divulgação do assunto já que o projeto tem como objetivo oferecer uma prestação de serviço às famílias e aos neurologistas”, explica a diretora de Marketing da União Química, Cristina Poloniato.

“Informação correta é o primeiro remédio que todos precisam para atender as pessoas que sofrem com a epilepsia. Criamos o personagem Haroldo que, junto com a turminha, levará essa informação para escolas e entidades da área para que olhemos com amor e carinho esse tema”, enfatiza Mauricio de Sousa.

Leia também: Mauricio de Sousa chora em première do filme ‘Turma da Mônica: Laços’

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A epilepsia é uma doença neurológica caracterizada por descargas elétricas excessivas e recorrentes. A
incidência é de 50 milhões de pessoas no mundo. No Brasil, há cerca de oito casos para cada mil habitantes.

A Organização Mundial de Saúde estima que existam três milhões de epiléticos no país. Na maioria dos casos, a causa da enfermidade é desconhecida. Apesar de não ter cura, com acompanhamento do médico
neurologista, 70% dos pacientes conseguem controlar a doença com medicamentos adequados.

O conteúdo científico da publicação teve validação da neurologista infantil Leticia Pereira de Brito Sampaio. Os interessados podem adquirir exemplares da revista, gratuitamente, pelo Serviço de Atendimento a Consumidor(SAC) da União Química, pelo telefone: 0800 11 15 59.

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: Criança Especial/Fotos: Reprodução/Genom

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

Relacionados

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

995,772FãsCurtir
1,921,710SeguidoresSeguir
9,388SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Magazine Luiza doa 1.000 colchões e travesseiros para moradores de rua em Belém (PA)

Desde o último sábado (21), o Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, passou a receber centenas de pessoas em situação de rua da Região Metropolitana...

Após ver família comendo restos do lixo, homem abre restaurante para servir pessoas carentes

O dono de um restaurante em Vila Velha (ES) abriu seu estabelecimento para atender gratuitamente pessoas em situação de rua durante a pandemia de...

Angelina Jolie doa R$ 5 milhões para manter merenda de alunos durante quarentena

A atriz Angelina Jolie, 44 anos, doou US$ 1 milhão (R$ 5,2 milhões) para manter a distribuição de merendas escolares para crianças de baixa...

Idosa de 87 anos confecciona máscaras de proteção para distribuir gratuitamente no MA

Sem conseguir encontrar máscaras de proteção, a professora, bióloga e engenheira civil Renatha Costa uniu forças com sua avó, dona Bernarda, 87 anos, para...

Idoso de 80 anos constrói trenzinho para cães que resgatou das ruas

Um idoso de 80 anos passa seu tempo livre operando o que provavelmente pode ser o trem mais divertido do mundo! O senhor Eugene Bostick...

Instagram