UNESCO defende a discussão de gênero e sexualidade nas escolas

A Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) no Brasil defende há algum tempo a discussão de gênero e sexualidade nas escolas para prevenir a violência contra a mulher e a população LGBT.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A UNESCO no Brasil acredita que o debate sobre sexualidade e gênero contribui para uma educação mais inclusiva, equitativa e de qualidade. “Isso se torna ainda mais importante uma vez que a educação é compreendida como processo de formar cidadãos que respeitem às várias dimensões humanas e sociais sem preconceitos e discriminações”, diz a agência da ONU.

Como país-membro das Nações Unidas, o Brasil assinou em 2015 o cumprimento da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável. Um dos 17 objetivos a serem cumpridos é a garantia de ambientes de aprendizagem seguros e não violentos, inclusivos e eficazes, e a promoção da educação para a igualdade de gênero e dos direitos humanos.

“Esta agenda dedica especial atenção à discriminação baseada em gênero, bem como a grupos vulneráveis, e para assegurar que ninguém seja deixado para trás. Nenhum objetivo de educação deve ser considerado cumprido a menos que seja alcançado por todos”, afirmou trecho do documento da reunião, realizada em novembro do ano passado, paralelamente à 38ª Conferência Geral da UNESCO, com a presença de ministros e especialistas.

A organização defende em todos os seus documentos oficiais estratégias de educação em sexualidade e o ensino de gênero nas escolas de ensino fundamental para que homens e mulheres, meninos e meninas tenham os mesmos direitos, para prevenir e erradicar todo tipo de violência, especialmente a violência de gênero.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com informações da ONU Brasil

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

Relacionados

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

995,425FãsCurtir
1,908,663SeguidoresSeguir
9,294SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Idosa de 87 anos confecciona máscaras de proteção para distribuir gratuitamente no MA

Sem conseguir encontrar máscaras de proteção, a professora, bióloga e engenheira civil Renatha Costa uniu forças com sua avó, dona Bernarda, 87 anos, para...

Magazine Luiza doa 1.000 colchões e travesseiros para moradores de rua em Belém (PA)

Desde o último sábado (21), o Estádio Olímpico do Pará, o Mangueirão, passou a receber centenas de pessoas em situação de rua da Região Metropolitana...

Após ver família comendo restos do lixo, homem abre restaurante para servir pessoas carentes

O dono de um restaurante em Vila Velha (ES) abriu seu estabelecimento para atender gratuitamente pessoas em situação de rua durante a pandemia de...

Angelina Jolie doa R$ 5 milhões para manter merenda de alunos durante quarentena

A atriz Angelina Jolie, 44 anos, doou US$ 1 milhão (R$ 5,2 milhões) para manter a distribuição de merendas escolares para crianças de baixa...

Coronavírus ‘sela paz’ entre palestinos e israelenses: saúde é prioridade máxima!

Há anos o mundo não via um encontro pacífico entre palestinos e israelenses. A Autoridade Palestina e Israel sentaram na mesma mesa para firmar...

Instagram