Caso de “bullying” de gordinho dançarino tem surpresa incrível


Caso de "bullying" de gordinho dançarino tem surpresa incrível 1
PUBLICIDADE ANUNCIE

Meu Deus, chega a ser cômico! Como podem algumas pessoas se acharem superiores a outras? E por motivos tão sem sentido, como a forma física por exemplo. Claro que o incrível desfecho que apresentaremos a seguir ajuda a rirmos desta situação que não foi nada engraçada no começo, talvez até traumatizante, mas sabe aqueles casos de bullying em que no final das contas a pessoa que era “zuada” dá uma mega volta por cima e acaba se dando muito bem? Tcharaaaam! Conheça o #dancingman.

Tudo começou com esta foto publicada em uma rede social, que diz “Avistei este espécime tentando dançar na outra semana. Ele parou quando nos viu rindo.”:

B_X18QDU8AEvnmX

Algum tempo depois veio a primeira mensagem de apoio “Se você estiver por aí grandão, mande essas crianças se danarem. Continue dançando” e a partir daí uma campanha nasceu de Cassandra Fairbanks para encontrar o querido Dancing Man (dançarino), ela prometeu que pagaria a ele uma passagem para Los Angeles e daria uma festa inesquecível para que ele pudesse dançar à vontade, e um detalhe muito importante: só com mulheres.

PUBLICIDADE ANUNCIE

A campanha deu certo e o “gordinho gostoso” da vida real (perdoem o trocadilho, mas não resisti) foi encontrado, ele se chama Sean, mora em Londres e aceitou, acredito que com muita alegria, o convite que lhe foi feito. Ao todo são quase 2.000 mulheres que confirmaram presença na festa! Sean até inaugurou um perfil no Twitter, o @dancingmanfound que já conta com mais de 75 mil seguidores, e está maravilhado com todo o apoio que está recebendo. E aí bullies, quem será que está rindo agora?

 

 

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar