USP desenvolve robô neurocirurgião que torna procedimentos no cérebro de crianças mais precisos

Viva a ciência brasileira! Pesquisadores da Escola de Engenharia da Universidade de São Paulo de São Carlos (USP), em parceria com a Faculdade de Medicina, desenvolveram um robô neurocirurgião para tornar procedimentos no cérebro de crianças mais rápidos e precisos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Até pouco tempo, a maioria das neurocirurgias pediátricas era realizada manualmente, mas com o auxílio do robô estas delicadas operações ganharão agilidade e precisão.

De acordo com o professor do departamento de engenharia, Glauco Caurin, o robô também poderá fazer o monitoramento de crises de epilepsia em crianças através de implantes de eletrodos no cérebro delas.

robô neurocirurgião USP
Foto: Henrique Fontes / USP São Carlos

Altamente tecnológico, o robô neurocirurgião possui uma série de sensores e um sistema de inteligência artificial que dá maior precisão no posicionamento das ferramentas usadas nos procedimentos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Na verdade, o que a gente chama de robô é um braço mecanizado que tem várias articulações que permitem a esse dispositivo posicionar ferramentas que auxiliam o cirurgião”, afirma Caurin.

“Ele consegue ser manipulado e posicionado de forma a carregar as ferramentas que vão ser usadas na cirurgia, próximas da cabeça do paciente.”

Procedimentos ainda mais seguros e precisos

O robô não irá realizar cirurgias sozinho, mas será como o braço direito dos médicos, oferecendo suporte e uma segurança a mais.

“Quando ele precisa acompanhar ou seguir o que planejou antes da cirurgia, olhando as imagens em 3D do cérebro, ele vai conseguir reproduzir localmente aquilo que ele deseja com precisão submilimétrica”, acrescenta o professor.

E olha só que incrível! A equipe também desenvolveu um sistema de imagem 3D que captura a posição do robô, assim como calcula a posição dos equipamentos na cabeça do paciente.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Então, a gente sabe qual a posição precisa da cabeça do paciente para que eu possa fazer a inserção de ferramentas. Finalmente, eu tenho um computador que fica capturando toda essa informação, compartilhando entre o médico e o robô e um software de navegação”, explica Caurin.

O projeto vem sendo desenvolvido junto à Faculdade de Medicina da USP de Ribeirão Preto desde 2014, mas a tecnologia ainda não foi aplicada em pacientes.

De acordo com os pesquisadores, a estimativa é de que pelo menos mil crianças atendidas no Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto possam ser beneficiadas com o uso da nova tecnologia.

Fonte: Agência Brasil

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO


Quer ver um vídeo inspirador? Dá o play!

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,755,527SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Juiz monta banda de rock como medida socioeducativa para ajudar jovens que ele condenou

Consegue imaginar a seguinte situação: uma banda de rock formada por um juiz e jovens que ele mesmo condenou? Pode parecer uma cena impossível, mas...

Projeto Menu Sustentável incentiva comida saudável e combate ao desperdício

Entre 25/08 e 07/09, a população de São Paulo e de Brasília poderá saborear receitas criadas especialmente para a segunda edição do Menu Sustentável, que...

Policial descobre que colega é garoto que ela salvou há quase 20 anos

Uma policial militar descobriu que seu colega é um jovem que ela salvou há quase 20 anos! O caso aconteceu na cidade de Itanhaém, no litoral...

Após ser flagrado chorando pela moto quebrada, motoboy recebe ajuda de internautas

Debaixo de chuva, domingo à noite (28/06), em João Pessoa (PB), o jovem motoboy Mikael, 19 anos, chorava ao lado de sua moto quebrada. Criamos...

De surpresa, Ariana Grande visita fãs feridos em hospital após atentado em Manchester

Diante de tragédias sem precedentes como o ataque terrorista no Reino Unido, a cantora Ariana Grande foi levar um pouco de conforto às vítimas...

Instagram