USP cria ventilador pulmonar de baixo custo com tecnologia 100% brasileira

Clique e ouça:

Cientistas da USP desenvolveram um protótipo de ventilador pulmonar emergencial capaz de ser produzido em massa para atender a demanda hospitalar de pacientes infectados com o Covid-19.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O aparelho foi batizado de INSPIRE.

De baixo custo, foi produzido com tecnologia 100% nacional e se utiliza de componentes amplamente disponíveis no mercado brasileiro.

“O motivo de se desenvolver este tipo de ventilador de pulmão emergencial parte de algumas premissas. Uma delas é que a cadeia de produção instalada deste tipo de equipamento talvez não consiga aumentar sua produção para a demanda da população brasileira nas próximas semanas. Seria necessário ter um equipamento que pudesse atender a população que ficaria desassistida neste caso”, explica o professor Raul González Lima, especialista em Engenharia Biomédica e um dos coordenadores do projeto.

USP cria ventilador pulmonar de baixo custo
Foto: Cedida pelo pesquisador Raul Gonzalez Lima

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

INSPIRE

A cadeia de produção não é capaz de se desenvolver rápido o suficiente porque há uma dificuldade crônica de importação desses componentes. “Nem todos estão em estoque na quantidade necessária. Os componentes podem não chegar a tempo para fazer essa produção”.

Para lidar com o problema e levando em conta que muito em breve faltarão linhas de ar comprimido nos leitos de hospitais, os pesquisadores se adiantam com relação à hipótese da indisponibilidade. “É uma demanda crítica e pontual, e depois essa tecnologia pode ser usada em áreas remotas, em que um hospital não esteja próximo”, disse Raul.

Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as matérias e novidades do Razões, clique aqui.

O INSPIRE está em constante aprimoramento, mas já passou para a fase de produção, em que será estabelecida a cadeia de suprimentos. “Também tentamos evitar peças que tivessem que ser desenvolvidas, ou seja, utilizamos peças que já existem em linhas de produção”, detalha o pesquisador.

“Nós gostaríamos que a indústria nacional se desenvolvesse e exportasse as tecnologias que possuem para muitos países. Nosso objetivo é criar uma resposta rápida para uma crise provável”, complementou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

USP cria ventilador pulmonar de baixo custo
Foto: Reprodução/Ciclo Vivo

Produção em massa e de baixo custo

De acordo com a equipe por trás do ventilador pulmonar, o novo aparelho custará aproximadamente R$ 1 mil – 15 vezes mais barato do que o respirador convencional.

Canal Coronavírus: veja boas notícias, vagas home-office e como ajudar pequenos negócios clicando aqui.

“Por suas características, o projeto irá viabilizar a construção de alguns milhares de ventiladores a partir de três semanas e ter milhares produzidos em cinco semanas”, afirmou Lima em entrevista ao Jornal da USP.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Muito importante ressaltar que o projeto é inteiramente de código aberto, ou seja, pode ser utilizado por quaisquer interessados em produzir o ventilador.

Fonte: Ciclo Vivo

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,026,690FãsCurtir
2,191,217SeguidoresSeguir
12,006SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Brasileira voluntária da 2ª Guerra Mundial é hoje voluntária na luta contra o Coronavírus

A dona Blandina era adolescente quando confeccionou luvas para os soldados brasileiros da FEB (Força Expedicionária Brasileira) que lutaram na 2ª Guerra Mundial. Lá se...

Jovens antecipam casamento após saber que um deles tem apenas 5 meses de vida

Se você, assim como eu, se acabou de chorar vendo "Um amor para recordar" lá em 2002, se prepare: essa história é real, e...

Policiais unem-se a manifestantes em ato contra racismo e violência, nos EUA

É preciso tomar muito cuidado com generalizações, afinal, a profissão e a raça de uma pessoa não podem a definir. E para provar isso, diversos...

Engenheiro cria próteses gratuitas para pessoas carentes em impressora 3D

Aos 24 anos, o engenheiro industrial Guillermo Martinez decidiu usar todo seu conhecimento e criatividade em prol das pessoas carentes. Depois de comprar uma...

Pela primeira vez o Solstício de verão de Stonehenge será transmitido online

Pela primeira vez na história poderemos acompanhar o solstício de verão de Stonehenge online, o evento marca o dia mais longo do ano e...

Instagram