Vacina contra câncer no cérebro desenvolvida por pesquisadores alemães tem resultados promissores

Pesquisadores alemães estão desenvolvendo uma vacina que ajuda o sistema imunológico a lutar contra células cancerosas. De acordo com o artigo publicado na revista científica Nature, os resultados da primeira fase de testes foram promissores e não apresentaram efeitos colaterais.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O imunizante foi utilizado em pacientes com glioma difuso, um tipo de câncer que se espalha pelo cérebro e é extremamente difícil de ser removido em sua totalidade. Outros tipos de tratamento, como a quimioterapia ou a radioterapia também tem efeitos limitados.

A publicação também destaca que mais de 70% dos pacientes com este tipo de câncer tem uma mutação de gene similar, tornando possível a produção de uma vacina que evite a proliferação do giloma difuso.

Um erro específico no DNA causa a criação de uma enzima chamada neo-epitope, que posteriormente é reconhecida pelo sistema imunológico como corpo estranho.

Universität Mannheim
Estudos foram conduzidos por pesquisadores da Universidade de Mannheim, na Alemanha. Foto: reprodução/Linkedin Universität Mannheim

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Segundo o site Good News Network, os cientistas iniciaram os testes anos atrás em ratos com uma mutação artificial da proteína IDH1, similar a encontrada nestes tipos de câncer. Após a aplicação do imunizante, as células cancerosas pararam de crescer, indicando uma eficácia preliminar da vacina.

Testes em humanos apresenta alta taxa de sucesso

Após o resultado positivo nos testes com ratos, o diretor médico do Departamento de Neurologia da Universidade de Medicina de Mannheim, chefe da Divisão de Pesquisa Alemã do Câncer e diretor do estudo, Michael Platten, ganhou o Prêmio Alemão do Câncer.

O passo seguinte para ele e sua equipe foi iniciar o teste em 33 pacientes de diferentes centros de tratamento para câncer na Alemanha. Destes, 30 apresentaram resposta imunológica à vacina. Grande parte dos pacientes sofreu um “pseudo-progresso” com células imunizantes atacando o tumor.

Iniciado em 2018, os estudos apontam que 84% dos pacientes vacinados sobreviveram ao câncer, enquanto 63% do pacientes não sofreram sequer crescimento do tumor durante este período. Dentre os estudados que tiveram respostas específicas do sistema imunológico, 82% não apresentaram progressão da doença.

“Nós não podemos tirar qualquer conclusão precipitada sobre a eficácia da vacina deste estudo em fase inicial sem um grupo de controle”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“A segurança e o grau de imunização da vacina foram tão convincentes que vamos continuar perseguindo o conceito da vacinar em uma fase I avançada dos estudos”, explicou Platten.

Outros avanços na luta contra o câncer

Já pesquisadores da Universidade de Tel Aviv, em Israel, realizaram uma nova descoberta sobre o globlastoma, um dos tipos mais agressivos e comuns de câncer. Segundo eles, uma falha incomum no sistema imunológico pode ser a grande responsável pela disseminação das células cancerosas.

A falha aumenta a disseminação da proteína P-Selectina, causando o câncer no cérebro. A boa notícia é que estes pesquisadores conseguiram inibir a secreção desta proteína, restaurando a atividade normal do sistema imunológico.

Voltando às vacinas! Equipes da Universidade de Harvard (EUA) conseguiram desenvolver uma vacina personalizada contra o câncer de pele melanoma. Apesar de não ter capacidade de ser replicado em grandes escalas, o imunizante continuou produzindo anticorpos naqueles que receberam suas doses.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Batizada de NeoVax, o imunizante atua junto ao corpo na criação de células T antitumorais, específicas para o tumor de cada paciente. Estas células T auxiliam o sistema imunológico a desenvolver imunidades de longo prazo contra doenças autoimunes e inflamatórias.


Quer conhecer uma história inspiradora? Dá o play! 

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,857,801SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Tatuadora resgata a autoestima de mulheres sobreviventes do câncer

Às vezes a vida nos prega peças que, de início, nos fazem titubear em busca de respostas. Foi num acaso do destino que a...

Hilário: Noiva não pôde ir ao ensaio pré-casamento e padrinho a substitui

Aqui no Razões sempre fazemos questão de publicar histórias que proporcionem sorrisos largos em vocês, e que mostre que a vida pode ser mais...

Alunos constroem cadeira de rodas para que marido de professora possa levar bebê para passear

Um grupo de alunos de uma escola de ensino médio em Bullis, Maryland (EUA), ganhou dois prêmios de reconhecimento internacional após desenvolverem uma cadeira...

Vizinhança inteira se une para aprender língua de sinais para se comunicar com criança

Uma semana após o nascimento de Samantha, seus pais, Glenda e Raphael, descobriram que ela era surda. “Eu e meu marido nunca tínhamos conhecido alguém...

Modelo com braço biônico desfilou duas vezes na Semana de Moda de NY neste ano

A modelo Rebekah Marine quer que você ainda siga a sua paixão mesmo que você tenha alguma deficiência. Quando era mais nova, ela foi informada de que não teria um...

Instagram