Criança de 12 anos que vendia picolés para sustentar família ganha casa nova com ajuda de vaquinha

Esse homenzinho de 12 anos é o David dos Santos, do Rio de Janeiro (RJ). Mesmo tão pequeno, ele carregava nos ombros a responsabilidade de sustentar a casa para ajudar sua mãe, a dona de casa Dulce dos Santos e suas irmãzinhas de 13 e uma de 6 anos que tem paralisia cerebral.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Todos os dias, o menino ia à praia de Copacabana para vender seus picolés. Sob sol forte e carregando um isopor pesado nos ombros, ele percorria a praia toda.

 

David está concorrendo na categoria Vaquinha, do Prêmio Razões Para Acreditar, premiação que destaca histórias de pessoas reais. Clique aqui e vote!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

Ele e a sua família precisavam muito de ajuda. Eles moravam em uma casa super simples numa comunidade do Rio, que não tinha fogão (a mãe comprava marmita na comunidade e dividia entre eles) e apenas uma cama de solteiro onde dormia todos juntos. Como a irmã mais nova precisa de cuidados diários, sua mãe não conseguia trabalhar, restando ao David o trabalho com a venda dos picolés.

Eles recebem apenas um pequeno benefício da irmãzinha de David, que precisa de fraldas e medicamentos, aumentando os gastos da família.

Criamos uma vaquinha para tirarmos esse peso dos ombros do David e ajudá-lo com o sustento, além da compra de uma cadeira de rodas para sua irmã, fogão, cama e muito mais para eles terem mais qualidade de vida!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A campanha foi um sucesso, arrecadando mais de R$ 190 mil (o dobro da meta original), valor suficiente para a família Santos comprar até uma casinha própria.

A história chegou até nós através da Paula. Ela conheceu o David em Copacabana, enquanto estava de férias com sua família. Paula tem um filhinho, o Gael de apenas 5 anos, que logo fez uma linda amizade com David.

Paula nos contou que levou as crianças para passear, e que David ficou muito, muito emocionado, pois foi a primeira vez que ele comeu em sanduíche do McDonald’s. Ela também o presenteou com um celular (ele passou o ano juntando dinheiro, mas só conseguiu R$ 200).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em um dos dias em que estava na praia, David deixou sua caixa com os picolés, valor que já tinha ganho e seu cartão de transporte, próximo à uma barraca para ir brincar com Gael no mar. Quando voltaram, tudo havia sido roubado! Foi a Paula e vendedores das barracas próximas que o ajudaram a voltar para casa.

Graças aos transformadores da VOAA, a vida de David e sua família mudaram completamente!

“Estou muito feliz! Consegui comprar essa casa, comprei os móveis, comprei coisa para minha irmã que é especial, que foi o andador. Agora eu não preciso mais vender picolé, ficar no sol quente. Agora eu posso ficar em casa”, comemorou David.

“A maior conquista assim, foi a casa, né? Na verdade, a ficha nem caiu ainda. Que assim, a maioria das casas que a gente morava era tudo casa muito pequena, né? A vaquinha ajudou a gente a sair do aluguel, deu pra pagar as contas, comprar as coisas que precisava, que não tinha”, complementou a mãe do garoto.

Outra novidade é que eles investiram na venda de camisetas para conseguirem uma renda extra, um negócio inicialmente caseiro, mas que pode se expandir futuramente para uma loja. “Por enquanto estamos vendendo aqui mesmo [em casa]. Está cheio de produtos lá em cima”, completou.

 

David está concorrendo na categoria Vaquinha, do Prêmio Razões Para Acreditar. Clique aqui e vote!

 

Confira a nova casinha do David!

Fotos: VOAA

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM






Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,972,916SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Inovar também é uma das razões para acreditar em um mundo melhor

A inovação é a bola da vez. Todas as empresas querem saber como alcançá-la, elevando a inovação a um patamar que as vezes não...

[VÍDEO] Merendeira conquista cidadania americana e ganha homenagem emocionante de alunos

Yanet López nasceu em Cuba, mas, há alguns anos, migrou para os EUA. Hoje, trabalha como merendeira em cantinas de escolas. Finalmente, ela conseguiu...

Americana adota cachorra de 17 anos prestes a morrer para que ela tivesse uma noite de amor e carinho

Se adotar um animal abandonado já é um ato de amor, quando o bichinho já está velhinho, então é amor em dose dupla! Só...

Garoto de 7 anos manda carta ao Papai Noel pedindo dinheiro para remédio de amigo

Você sabia que todos os anos, no período do natal, crianças do Brasil inteiro enviam suas cartinhas para o Papai Noel para o correio...

7 histórias que nos dão razões para acreditar na Beleza do Natal

Muitas pessoas acabam sendo tocadas por esse espírito "good vibes" que o Natal nos desperta, e fazem ainda mais ações para iluminar a vida de outras pessoas.

Instagram