Jovem perde seu único veículo de trabalho em incêndio e internautas ajudam com vaquinha

O carro do jovem Moisés, 24 anos, virou cinza na noite do dia 21 de agosto, após um incêndio. Moisés estava dormindo quando foi acordado pelo pai desesperado contando que o veículo estava pegando fogo!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O carro é o ganha-pão de Moisés e fonte de sustento para mais quatro pessoas. Moisés presta serviços de entregador de medicamentos para hospitais e farmácias. O duro é que ele tinha acabado de pagar o financiamento do veículo.

Lançamos sua vaquinha na VOAA para Moisés comprar um carro novo e voltar a trabalhar. Clique aqui e contribua.

 

Ver essa foto no Instagram

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Uma publicação compartilhada por VOAA – a vaquinha do Razōes (@voaa_vaquinhadorazoes) em

O incêndio aconteceu num estacionamento próximo da casa dele, em São Paulo, onde o carro ficava guardado.

Moisés ficou em choque, chorou muito!

“Na hora coloquei as mãos na cabeça e custei a acreditar, e sem pensar no que poderia acontecer, fui para o lado do carro em um ato de desespero para tentar fazer algo, mas já era tarde demais”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Infelizmente, o estacionamento não tem seguro e o carro de Moisés também não.

Carro antes do incêndio. Foto: Arquivo pessoal

Causa do incêndio e a responsabilidade do estacionamento

Moisés contou que os bombeiros não souberam informar a causa do incêndio. Por não haver indícios de incêndio criminoso, não chamaram a polícia. Orientaram Moisés a abrir um Boletim de Ocorrência eletrônico.

Conversando com eletricistas, a hipótese é que tenha ocorrido um curto na fiação, pois Moisés costuma deixar a chave no contato.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Alguns eletricistas que conversamos também disseram que é difícil, mas pode acontecer algum curto com a chave ou mesmo alguma pane na parte elétrica. Porém o Corpo de Bombeiros não soube informar a causa e aconselhou fazer um B.O apenas isso.”

carcaça de carro queimado incêndio
Carro depois do incêndio. Foto: Arquivo pessoal

Moisés também consultou advogados para saber se o estacionamento poderia arcar com o prejuízo. Mas como o incêndio veio do próprio carro e não do estacionamento, o estabelecimento tem nenhuma obrigação.

carcaça de carro queimado incêndio
Foto: Arquivo pessoal

“Por lei os estacionamentos são obrigados a ter seguro a partir de 50 veículos, nesse estacionamento tem em torno de 25/30 veículos”, explicou.

Ele ajuda no sustento de casa em que moram 6 pessoas, mas somente ele e uma irmã trabalham

“Eu fazia entregas de medicamentos pra farmácias e hospitais, desde uma caixa de leite até um medicamento para tratamentos câncer.”

O carro era muito importante para o Moisés, sem ele, continuará desempregado. Vamos mudar o final dessa história? Clique aqui e contribua.

selo conteúdo original

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,644,123SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Vídeo mostra o amor incondicional sendo praticado no meio da rua

O programa americano “O que você faria?” coloca as pessoas em situações difíceis para mostrar o que elas fariam. Em um dos episódios mostrava um...

Candidatas do Miss Peru quebram protocolo e falam sobre a violência contra mulheres

O que é a medida do busto, cintura ou quadril perto de estatísticas aterrorizantes de feminicídio?

Em procedimento inédito no mundo, Flamingo recebe prótese e sobrevive

Impossível não ficar muito feliz em ver seres humanos dando aos animais uma segunda chance em situações em que de outra forma não sobrevivem. Recentemente, no Parque...

Projeto ‘Mão 3D’ busca fornecer 100 próteses para crianças carentes

Desenvolvido pelo Instituto de Ciência e Tecnologia da Universidade Federal de São Paulo (ICT-UNIFESP), em São José dos Campos (SP), o Mão 3D é...

Instagram