Pintor que perdeu os braços após descarga elétrica de 13.000 volts ganha vaquinha para ter suas próteses

Um minuto foi suficiente para mudar a vida do José para sempre: ele estava trabalhando quando encostou em um fio e tomou um choque de 13 mil volts! 😰

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

José Araujo tem 45 anos e há 7 perdeu sua esposa, vítima do câncer. Hoje ele mora com seus dois filhos (16 e 12 anos) em uma casa alugada em Brasília (DF). Seus filhos dependem dele.

Criamos uma vaquinha para ajudar o José e sua família nesse momento tão difícil e proteger eles de uma realidade tão dolorosa. Clique aqui para acessar o site da campanha e faça uma doação! 

Aceitamos doações inclusive via Pix, sem valor de contribuição mínimo. Juntos podemos fazer a diferença! E de pouquinho em pouquinho, vamos bater a meta.

vaquinha voaa próteses para pintor que teve braços amputados após descarga elétrica

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

José é pintor há 27 anos, e é assim que ele sustentava a casa até sofrer o acidente. Foi preciso amputar os braços para evitar infecções. Ele é autônomo, não tem registro.

O dono do local onde ele estava trabalhando tem ajudado a família com alimentos, remédios e contas. A família paga R$ 700,00 de aluguel e hoje está sem condições de se sustentar devido ao acidente que José sofreu.

A vaquinha será para realizar o sonho do José em ter suas próteses, uma delas, biônica, para que ele possa continuar pintando e sustentando a família, pois a renda da casa depende exclusivamente do seu trabalho. Clique aqui para fazer uma doação!

vaquinha voaa próteses para pintor que teve braços amputados após descarga elétrica

José teve os dois braços amputados

O pintor estava trabalhando na parede de um prédio que estava em construção, e encostou em um corrimão com um fio de eletricidade, ocasionando uma descarga elétrica nele de 13 mil volts.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ele teve parte da barriga queimada, precisando retirar a pele de sua coxa para conseguir fazer a implantação no abdômen, e as mãos e partes dos braços carbonizados. Para não correr o risco de uma infecção generalizada, ele precisou amputar os braços.

É um grande milagre eu estar vivo. Meus filhos já perderam a mãe, na hora do acidente eu só pensava neles, que não podiam ficar órfãos de pai também“, desabafou José.

vaquinha voaa próteses para pintor que teve braços amputados após descarga elétrica

Sobre as próteses

Pelo trabalho que o José realiza, ele necessita de próteses específicas, que consigam realizar os movimentos necessários para que ele possa voltar a exercer a sua profissão.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em uma das mãos, a esquerda (já que é canhoto) ele usará uma prótese biônica, capaz de realizar os movimentos que precisa. Na outra, uma prótese mais simples, garantindo assim que ele possa trabalhar e sustentar sua família, que depende tanto dele.

Meus filhos dependem de mim, eu preciso voltar a trabalhar”, disse ele, emocionado.

Nos ajude a comprar as próteses de José para que ele possa voltar a trabalhar e garantir o sustento dos filhos! Clique aqui para acessar o site da vaquinha e faça uma contribuição!

Fotos: VOAA

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,843,411SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Motociclistas escoltam crianças vítimas de abuso até o tribunal para testemunharem

Um grupo de motociclistas dos Estados Unidos virou um poderoso aliado de crianças que sofreram abuso e violência. Fundada em 1995, a Bikers Against Child...

Personagem autista André é capa da revista da Turma da Mônica de julho

O personagem André, criado pelo desenhista Mauricio de Sousa em 2003, especialmente para falar sobre o autismo, é capa e o tema da principal...

Caixa de supermercado paga conta de cliente que esqueceu a carteira e ganha US$ 11 mil em doações

A gentileza é contagiante e a história da Rita Jackson Burns vem para nos mostrar isso, mais uma vez. Rita é caixa de um supermercado...

Carpinteiro doa mais de 10 mil muletas em 48 anos de profissão

Aos 89 anos de idade, o sr. Nicola Gonçalves já criou e doou mais de 10 mil muletas e 4 mil bengalas para pessoas carentes...

Estilista traz pessoas consideradas ‘fora dos padrões da moda’ para desfilar na passarela

Estou reproduzindo na íntegra um  texto da excelente Valéria Brandini, da qual tive aulas de Antropologia durante minha pós no IED há algum tempo...

Instagram