Vendedor tenta alertar vítima de golpe, é agredido, mas recebe ajuda de policiais e dá a volta por cima

O que era para ser algo muito ruim na vida do jovem Wilker Martins, de 22 anos, acabou sendo o início de uma história muito positiva. O vendedor de água teve sua caixa de isopor e suas garrafas de água destruídas por vândalos e ainda foi agredido. A Polícia Militar foi chamada e os policiais não apenas registraram a ocorrência, como iniciaram uma campanha para o vendedor ambulante.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O caso aconteceu no dia 6 de setembro no Centro da cidade de Patos (PB). Os três agressores estavam tentando furar um pneu de um carro, quando Wilker alertou o dono. Foi aí que eles decidiram se vingar do jovem agredindo o rapaz e destruindo os seus produtos.

A caixa de isopor e as garrafas de água eram a única coisa de valor que o rapaz tinha para trabalhar e se sustentar. Comovidos com a situação, os PM`s iniciaram as arrecadações e captaram vários fardos de água, refrigerante, cesta básica, caixas térmicas e um carrinho para carregar tudo para Wilker voltar ao trabalho.

View this post on Instagram

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A post shared by CRISTIANO DIAS  (@cristiano_sousa_dias)

Eu estou muito feliz. Quem faz isso não é o homem, é Deus”, disse o jovem.

“Depois de toda essa situação, eu o encontrei na igreja agradecendo a Deus por não ter acontecido nada grave e por estar bem para trabalhar e batalhar pelas coisas. E isso me deu mais forças ainda para ajudar a esse rapaz”, contou o policial Jandrey Danfill.

Homem de camisa regata abraçando e apontando para vendedor de camisa de mangas longas em frente a uma igreja
PM Jandrey encontrou Wilker na igreja após ele sofrer agressão. Foto: Arquivo pessoal

Depois dessa mobilização, várias pessoas passaram a ajudar indo até o local de trabalho de Wilker comprar água ou refrigerante a ele. Outros fizeram doações e um restaurante ofereceu um ano de refeições gratuitas. “A cesta básica que eu ganhei, eu vou doar a outra pessoa que tenha ainda menos condição que eu, já que recebi as refeições do restaurante”, disse.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fardos de água mineral e caixas térmicas em carrinho de supermercado
Policiais fizeram várias compras para Wilker. Foto: Arquivo pessoal

Wilker mora sozinho, pagando aluguel e não tinha nada em casa, apenas uma rede, uma geladeira comprada no crediário de um amigo e um guarda-roupa velho.

Ele tinha duas calças e duas camisas, uma para ir trabalhar e outra para ir para a igreja. Isso me tocou ainda mais, que era algo que eu podia ajudar, não só prover meios para ele trabalhar, mas dar o mínimo de conforto pela pessoa tão maravilhosa que ele é”, disse o PM.

Os policiais pagaram quatro meses de aluguel para ele e deram, uma televisão, uma cama e um celular. Eles também levaram o rapaz para receber a vacina da covid-19 e agora fazem campanha para construir um quiosque para ele trabalhar, no valor de R$ 18 mil. Até proposta de emprego Wilker recebeu, mas quer continuar empreendendo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Jovem rapaz de camisa branca sendo vacinado por vacinadora de jaleco branco
PM Jandrey levou Wilker para receber a vacina da covid-19. Foto: Arquivo pessoal

“Nós conhecemos Wilker de vista no centro da cidade, é um rapaz extremamente trabalhador, se veste de garçom para ir trabalhar, de forma muito educada, uma pessoa de bem”, contou o policial Jandrey.

“A ideia de me vestir de garçom para vender foi de Deus”, disse Wilker, que trabalha há mais de dois anos no local. Por dia, ele está vendendo até 10 fardos de água. Pega essa visão!

Homem vestido de garçom vendendo água mineral na rua
Wilker trabalha vestido de garçom. Foto: Arquivo pessoal

Wilker sonha em ser administrador de empresas, quer cursar o Ensino Médio para tentar entrar numa faculdade e deseja ajudar outras pessoas, assim como ele foi ajudado. 

Eu sou muito batalhador. Batalho primeiramente para ajudar ao próximo, aos que precisam mais do que eu. Eu vivo com Deus e quero compartilhar com todos. Basta querer e você colocar adianta, eu sigo em frente. Se Deus quiser eu vou conseguir, vou chegar lá”, disse.

Veja também:

Vendedor tenta alertar vítima de golpe, é agredido, mas recebe ajuda de policiais e dá a volta por cima 2

Fotos: Razões Para Acreditar

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM










Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,811,797SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Google leva tecnologia e eficiência para salas de aula no Brasil

Com os avanços tecnológicos, eis que surgem duas novas vertentes para a educação: o multiletramento e a comunicação digital. De olho na inovação, a...

Homem explica como conseguiu diminuir em 79% a violência juvenil em Boston

O homem por trás do programa "Boston Miracle", o Reverendo Jeffrey Brown, começou como um jovem pastor perplexo de ver seu bairro em Boston desmoronar...

Ele reencontrou a dedicatória que fez para a falecida esposa em um livro em 1966

Era uma noite de terça-feira insuspeita em Copacabana. No fim daquele dia, 23 de outubro, um grupo de frequentadores do sebo Baratos da Ribeiro...

Garota de nove anos faz carta para seu professor que se assumiu gay

Uma garota de nove anos escreveu uma carta fofa para seu professor, após ele se assumir gay em uma aula para combater homofobia e...

Com adesivo, recém-habilitada pede paciência a motoristas de Caxias (RS): ‘Empatia é tudo no trânsito’

Tirar a sonhada carteira de habilitação é apenas o começo da formação de um motorista. Afinal de contas, 20 aulas práticas e o exame...

Instagram

Vendedor tenta alertar vítima de golpe, é agredido, mas recebe ajuda de policiais e dá a volta por cima 3