Vendedor de amendoim formado em direito ganha pós-graduação

O vendedor amendoim recém-formado em direito ganhou uma pós-graduação depois que sua história comoveu e emocionou milhares de pessoas, como o empresário Sandro Delgado.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Contamos um tempo atrás a história do vendedor de amendoim Marcos Luis Xavier. Ele começou a trabalhar cedo, aos 8 anos, para ajudar a família com as despesas da casa. Como não era capaz de conciliar trabalho e estudo, Marcos abandonou as salas de aula para se dedicar integralmente ao trabalho.

A vida deu voltas e Marcos, 46 anos, voltou a estudar em 2005, e nunca mais parou de devorar os livros, nas poucas horas livres que sobravam no seu dia.

Assim que terminou o ensino médio, Marcos entrou para a faculdade de direito. Durante o curso, Marcos continuou vendendo amendoim nos pontos de ônibus do Centro de Petrópolis, no Rio de Janeiro.

Na verdade, ele nunca parou de vender amendoim, afinal, bom vendedor que é, paga as despesas da casa que divide com sua esposa e as filhas com o dinheiro das vendas. Com uma qualificação profissional, as chances de Marcos se dedicar integralmente ao ofício de advogado, começando com um estágio na área, são bem maiores, concorda? 🆙🆙🆙

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

vendedor amendoim ganha pós-graduação
Marcos Xavier ganhou uma pós-graduação de empresário inspirado pela sua luta

“Nos sensibilizamos com a força de vontade dele, pois é um homem que se enquadra nos padrões de alunos que temos aqui, sendo responsável e interessado pelo que faz. Com mais de 23 mil alunos espalhados pelo país, o Marcos certamente será uma inspiração para todos os nossos matriculados”, disse o empresário Sandro Delgado ao Diário de Petrópolis.

Sócio de uma instituição de ensino, o empresário ficou sensibilizado com a garra de Marcos e seu desejo de vencer na vida, apesar das adversidades que o acompanham desde a infância. Tanto que ele presenteou o vendedor ambulante com uma pós-graduação, a que Marcos quiser cursar.

“Além disso, vamos ajudar no pagamento do seu certificado digital, que ainda não foi retirado por problemas financeiros. E, vamos ver o que pode acontecer daqui pra frente, não descartamos o surgimento de novas oportunidades”, completou.

crédito da foto: Diário de Petrópolis/Reprodução

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,839,934SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Porque os cães de estimação são tão importantes para pessoas que moram na rua

Uma vez que um cão faz uma relação próxima com um dono carinhoso, sua lealdade pode ser inquebrável, e eles vão ficar com seu...

Filho larga tudo para cuidar da mãe com Alzheimer

"O nosso vínculo é muito grande”

A melhor “profissão” do mundo dos cães: pegar bolinhas em partidas de tênis

Quem tem um cão em casa sabe: a coisa que eles mais adoram na vida é correr atrás de uma bolinha (ou qualquer outro...

Todos os dias, duplinha se abraça quando chega na escolinha e nos ensina sobre amizade

A vontade de abraçar o amiguinho é tamanha que um corre em direção ao outro com os braços abertos.

Projeto transforma latas de sardinha em câmeras fotográficas e propõe novas perspectivas de futuro para crianças carentes

“O objetivo da educação não é ensinar coisas, porque as coisas já estão na internet e nos livros: o objetivo é ensinar alegria de...

Instagram