Aprovado respirador criado pela USP feito em 2 horas e 15 vezes mais barato

Pesquisadores da Escola Politécnica (Poli) da USP desenvolveram um ventilador pulmonar 15 vezes mais barato do que os disponíveis atualmente no mercado.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O protótipo foi testado por pacientes do Hospital das Clínicas de São Paulo (SP) e do Instituto do Coração (Incor), sendo aprovado em todos os modelos de uso, sem quaisquer problemas com os pacientes ventilados. Agora, segue para aprovação na Anvisa.

Manter uma taxa alta de disponibilidade dos ventiladores pulmonares é essencial para que o nosso sistema de saúde consiga atender a todos os pacientes infectados com o Covid-19 que estão em estado grave.

ventilador usp baixo custo feito em horas
Foto: Divulgação/Poli-USP

Mesmo com empresa parada, empresário se prontificou a fabricar máscaras para hospitais. Apoie clicando aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O que impressiona nesses respiradores é que eles levam meras 2 horas para serem fabricados a um custo muito, muito mais baixo do que os que são vendidos hoje.

Batizado pela equipe da Poli como ‘Inspire‘, o equipamento foi submetido a uma série de avaliações técnicas para garantir sua eficácia.

ventilador usp baixo custo feito em horas
Foto: Divulgação/Poli-USP

Por vezes, os engenheiros tiveram que improvisar: em uma das testagens, usaram uma bexiga de aniversário, feita de borracha e enchida com ar pelo ventilador para verificar se o aparelho era capaz de controlar variáveis como pressão e vazão do oxigênio. Ele tirou de letra!

ventilador usp baixo custo feito em horas
Protótipo do ventilador pulmonar da Poli USP. Foto: Divulgação/Poli-USP

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O Razões tem seu próprio podcast para espalhar boas notícias, ouça os episódios na sua plataforma favorita clicando aqui.

“O objetivo era ter medidas na frequência da respiração do paciente, para permitir a sincronização do fornecimento de oxigênio do aparelho com a frequência respiratória. Foram testadas várias frequências respiratórias, porque havia controle das variáveis, tais como pressão e vazão”, explica o professor Guenther Krieger Filho, coordenador do Laboratório de Diagnóstico Avançado de Combustão da Poli.

ventilador usp baixo custo feito em horas
Foto: Divulgação/Poli-USP

Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as matérias e novidades do Razões, clique aqui.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Do protótipo à versão final

Ao todo, um grupão com 40 pesquisadores, engenheiros, mecânicos, estudantes e representantes da iniciativa privada se articularam para trazer o respirador à vida.

O pensamento ao longo do estudo era um só: suprir a demanda de um equipamento hospitalar que será cada vez mais requisitado à medida que a pandemia se dissemina país afora.

ventilador usp baixo custo feito em horas
Foto: Divulgação/Poli-USP

Para tanto, combinaram que o ventilador pulmonar deveria ser de baixíssimo custo, com tecnologia e componentes 100% brasileiros. Deu certo.

“Buscamos montar um equipamento que pudesse utilizar ao máximo componentes que já existem no mercado brasileiro, não dependendo muito de importação, e que pudéssemos acionar os fabricantes para aumentar sua produção”, disse o professor Raul González Lima, especialista em Engenharia Biomédica.

Canal Coronavírus: veja boas notícias, vagas home-office e como ajudar pequenos negócios clicando aqui.

Fonte: G1

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,400,451SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Mastercard bate meta e doa o equivalente a 3,4 milhões de refeições a comunidades carentes

A Mastercard bateu a meta do movimento Faça parte: comece com o que não tem preço dois meses após seu lançamento. Mais de 3,4...

Menina de 10 anos salva recém-nascido vendo vídeos no YouTube

A menina limpou o bebê e até cortou seu cordão umbilical.

Reserva ambiental na Amazônia pede ajuda para não fechar as portas

O local abriga cerca de 300 animais silvestres, vítimas de maus tratos e que necessitam de cuidados.

Razões para Acreditar no Amor #2: Nos conhecemos aos 15, tivemos uma filha aos 16, e este ano faremos 16 anos juntos: o amor...

Eu e meu marido nos conhecemos com 15 anos, 5 meses depois estávamos grávidos. No primeiro momento foi um choque para todos, principalmente para mim,...

Com filha no colo, deputado maranhense participa de reunião e foto viraliza

Uma foto do deputado maranhense Yglésio Moyses com a filha no colo, que dormia profundamente durante uma reunião de trabalho na CCJ, viralizou nas redes sociais.

Instagram