Mãe com atrofia grave que alimenta filho autista com a boca ganha vaquinha para sustento de casa

Para Natalia, de 33 anos, a vida é um desafio que ela supera todos os dias com um lindo sorriso no rosto! 💪🏻

Ela possui uma doença chamada artrogripose, uma malformação das articulações que não se desenvolveram corretamente, causando limitação dos movimentos e diminuição da força muscular.

Natalia está concorrendo na categoria Mulher, do Prêmio Razões Para Acreditar, premiação que destaca histórias de pessoas reais. Clique aqui e vote!

Apesar da condição, Natalia não se sente impedida de cuidar de seus filhos com absoluto zelo: ela os troca, os alimenta e ainda tira tempo para fazer lindos quadros motivacionais usando a própria boca. Isso mesmo, com a boca, gente!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Criamos uma vaquinha para ajudar essa mãe amorosa e sua família a colocar as contas em dia e comprar mais materiais de pintura, de modo que ela e o esposo possam continuar fazendo aquilo que mais amam: pintar. Clique aqui e faça uma contribuição!

Por causa da pandemia suas vendas caíram bastante. Com a renda em baixa, a família  acumulou diversas contas em atraso.

O pagamento delas é essencial para que eles retomem a vida e se dediquem aos filhos e ao trabalho artístico.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

vaquinha voaa Mãe com atrofia grave que alimenta filho autista com a boca vaquinha voaa Mãe com atrofia grave que alimenta filho autista com a boca

Filho também sofre com doenças

Natalia nasceu com uma doença chamada artrogripose, que causa atrofia dos músculos e malformação das articulações. Ela, que mora em Barra Bonita (SP) com seu esposo e dois filhos de 6 e 11 anos, passou por várias cirurgias para conseguir andar. Infelizmente as mãos não tiveram sucesso, pois seus movimentos ainda são bem limitados.

Natalia está concorrendo na categoria Mulher, do Prêmio Razões Para Acreditar, premiação que destaca histórias de pessoas reais. Clique aqui e vote!

Seu filho caçula, Davi, de seis anos, nasceu com hidrocefalia, tem duas válvulas em sua cabecinha para drenar o líquido. Ele também possui autismo e asma.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

vaquinha voaa Mãe com atrofia grave que alimenta filho autista com a boca

Natalia teve eclampsia na gestação e 4 convulsões. Como resultado, Davi nasceu prematuro e só pôde conhecer a mãe após 3 dias internado.

vaquinha voaa Mãe com atrofia grave que alimenta filho autista com a boca

Em 2020, o menino passou muito mal e chegou a perder a consciência. No hospital, os médicos descobriram um problema em sua válvula de drenagem. Sem opções, ele precisou ser submetido a uma cirurgia para instalação de uma segunda válvula.

vaquinha voaa Mãe com atrofia grave que alimenta filho autista com a boca

Há dois anos, Natália precisou deixar seu emprego como auxiliar de escritório para cuidar  em tempo integral de Davi, que andava tendo sucessivas convulsões enquanto ela estava fora trabalhando. 😔

“Foi muito difícil para todos nós, achei que perderia meu filho”, desabafou a mãe, que é casada há doze anos com Willian, 36.

Vamos juntos ajudar a Natalia e sua família? Clique aqui e faça uma doação para a vaquinha!

Aceitamos contribuições via Pix, sem valor mínimo.

Trabalho artístico

O marido sempre lhe deu autonomia e a incentivou a aprimorar seus talentos.

vaquinha voaa Mãe com atrofia grave que alimenta filho autista com a boca

Willian trabalhava no ramo de funilaria, mas hoje está desempregado devido, consequência da pandemia. É ele quem a ajuda a fazer os quadros maravilhosos que vendem…

Natalia está concorrendo na categoria Mulher, do Prêmio Razões Para Acreditar, premiação que destaca histórias de pessoas reais. Clique aqui e vote!

O ex-funileiro cuida da pintura enquanto a esposa é responsável pelo lettering (o desenho das letras), que ela faz com a boca.

vaquinha voaa Mãe com atrofia grave que alimenta filho autista com a boca vaquinha voaa Mãe com atrofia grave que alimenta filho autista com a boca

Natalia aprendeu a cozinhar, tomar banho, dar comida ao filho, mesmo tendo suas limitações. Faz tudo com ajuda da boca. Ela só não consegue se trocar sozinha, recebendo ajuda do marido ou da filha no dia a dia.

Acesse agora o site da vaquinha e deixe sua doação!

De pouquinho em pouquinho, vamos juntar o suficiente para fazer a diferença na vida dessa família.

Olha esse vídeo dela arrumando a cama:

Além da preocupação diária com o bem-estar do filho, Natalia precisa cuidar da mãe, de 63 anos, que também mora com ela após o diagnóstico de atrofia cerebral. A idosa também necessita de cuidados constantes.

A família mora em casa alugada. Somente Davi e sua mãe recebem benefício, um salário  mínimo cada. Estão com as contas de luz e água em atraso. Davi ainda usa fraldas e toma muito leite.

vaquinha voaa Mãe com atrofia grave que alimenta filho autista com a boca

Em suma, eles precisam de ajuda para com o sustento de casa e também com os materiais de pintura, que vão garantir uma renda mensal extra.

“Eu amo a vida, me amo do jeitinho que sou, amo pintar, amo minha independência… Minhas vendas caíram muito, por isso estamos nessa situação difícil”, disse Natalia.

Que tal encomendar alguns quadros com ela, gente? Você pode enviar uma mensagem no Insta da artista clicando aqui. E enquanto ela produz os quadros, ajudaremos a colocar suas contas em dia e comprar mais materiais!

Clique aqui para acessar o site da vaquinha e deixe uma doação.

Mãe com atrofia grave que alimenta filho autista com a boca ganha vaquinha para sustento de casa 2

Fotos: VOAA

Relacionados

Em Porto Alegre, projeto social proporciona experiência do skate para crianças com deficiência

Criado em Porto Alegre pelo fisioterapeuta neurofuncional e skatista, Stevan de Melo Pinto, o SkateAnima usa equipamentos adaptados para que crianças com alguma deficiência...

Rapaz ajuda fã mirim a enxergar show no Rock in Rio e cena viraliza na web

Uma das cenas mais marcantes do Rock in Rio 2022! O menino Eduardo era uma das pessoas mais animadas no show do cantor Post...

+ DO CANAL

[VÍDEO] “Emprego tá difícil, mas trabalho tem”, diz Smith dos Panos, vendedor ambulante que não para de se reinventar

Trabalhar nas ruas nem de longe é algo fácil, mas Smith dos Panos tem disposição de sobra para seguir em busca do seu propósito....

Confira todos os indicados ao Prêmio Razões Para Acreditar 2022 – e vote muito!

Olha quem voltou! Sejam todos muito bem-vindos ao Prêmio Razões Para Acreditar 2022! No dia 19 de dezembro, iremos celebrar, reconhecer e premiar pessoas...

Militar larga a farda para se tornar manicure e construir parceria de sucesso com a esposa (RJ)

Michael de Souza trocou o quartel pelo salão. Após seis anos servindo às Forças Armadas, o ex-militar se jogou na profissão de manicure para...

Paranaense cria ‘ecobarreira’ para retirar lixo do rio onde aprendeu a nadar na infância

O rio Atuba passa nos fundos da casa do vendedor Diego Saldanha, 33 anos, morador de Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, e foi...

Aos 50 anos e cega, Laura B. Justino ignora “limites” e vira atleta de fisiculturismo [VÍDEO]

Avisa que é ela! Quando você acha que é tarde demais para alcançar o que almeja, a vida vem e te faz repensar com...

Instagram