Você sabe quanto sangue é desperdiçado por preconceito? Esta ação mostra de forma impactante

“O Brasil desperdiça mais de um caminhão cheio de sangue todo dia por puro preconceito”, diz a mensagem espalhada pelo movimento global de defesa dos direitos LGBT, All Out, pelas ruas de São Paulo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Parte da campanha internacional #WastedBlood (“Sangue desperdiçado”, em português), circulou pela capital paulista um caminhão com centenas de bolsas de sangue penduradas.

size_810_16_9_sangue-lgbt

Idealizada pela agência Africa em parceria com a empresa Truckvan, busca chamar atenção para a proibição de que homens gays e bissexuais sejam doadores de sangue no Brasil.

A Portaria 2712, de 12/11/2013, do Ministério da Saúde, determina que homens que se relacionaram sexualmente com outros homens nos últimos 12 meses são inaptos a doar.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“O Ministério da Saúde argumenta que a proibição visa a assegurar a qualidade do sangue coletado. No entanto, todo o sangue colhido em bancos públicos e privados do Brasil deve obrigatoriamente passar por testes que permitem a identificação de vírus como o HIV e HCV, que causa a Hepatite tipo C”, afirma Leandro Ramos, Diretor de Programas da All Out em entrevista para a Exame. “A campanha busca mostrar que, ao não reconsiderar essa proibição, o Brasil impede o diálogo, reforça estereótipos e joga fora litros de sangue que poderiam salvar vidas”, completa ele.

Este é um debate crescente na América Latina e alguns países já reviram suas regras, e não praticam mais discriminação com relação à orientação sexual na hora de doar sangue, como Argentina, Chile e México.

“Se uma pessoa não usa drogas, mantém um único parceiro sexual e usa preservativo sempre, ela pode doar sangue. A menos que seja um homem que se relaciona com outro homem. Mas, se todo sangue doado, seja de quem for, passa por uma série de testes, por que homens gays e bissexuais são proibidos de doar? O sangue de um homem gay ou bissexual é tão valioso quanto o de qualquer pessoa”, comenta Álvaro Rodrigues, vice presidente de criação da Africa.

Além da instalação móvel, o impactante vídeo (que pode ver abaixo), a ação possui uma plataforma online também. Nela, homossexuais e bissexuais podem se inscrever em uma lista de doadores virtual, com isso, mostra-se em números a quantidade de sangue desperdiçada.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

SANGUE8

Screen Shot 2016-05-03 at 8.27.50 AM

wasted-blood-1

wastedblood-1

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

wastedblood

Screen Shot 2016-05-03 at 8.35.27 AM

Screen Shot 2016-05-03 at 8.35.52 AM

Fonte: Exame

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,844,630SeguidoresSeguir
24,858SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Comunidade online ajuda pai que descobriu por acidente que o filho é gay

Muitos pais não sabem o que fazer quando descobrem por conta própria que o filho é gay. Mesmo com a intenção de demonstrar seu...

Ex-dançarina irá pagar formação completa de jovem bailarino que dançava na chuva

O mundo inteiro ficou impressionado com o talento do pequeno bailarino nigeriano Anthony Mmmesoma Madu, que viralizou dançando descalço e debaixo da chuva. Uma das...

Pai embarca em 6 voos diferentes para passar Natal ao lado de filha aeromoça

Um pai amoroso se tornou uma sensação na internet depois de ser pego em um voo de véspera de Natal (e depois em outros...

O serviço de quarto deste hotel oferece aos hóspedes o aconchego de um cãozinho

Não tem hóspede do hotel resista ao aconchego desse cãozinho pra lá de simpático – e charmoso!

Instagram

Você sabe quanto sangue é desperdiçado por preconceito? Esta ação mostra de forma impactante 3