Voluntárias transformam guarda-chuvas velhos em sacos de dormir para moradores de rua

Um grupo de mulheres está transformando pedaços de tecido de guarda-chuvas em sacos de dormir para pessoas em situação de rua, na cidade de Rio Grande (RS).

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As voluntárias são lideradas pela Sílvia Martinatto, a criadora do projeto batizado de ‘Semente do Bem’. Ela teve a ideia depois que assistiu a um vídeo na internet sobre o assunto e achou uma boa serventia para tecidos de guarda-chuvas velhos ou quebrados, segundo informações do G1.

Sílvia não sabia muito bem como fazer os sacos de dormir. Ela guardou o vídeo e, quando sobrava um tempinho livre, assistia de novo e praticava a costura. A dedicação rendeu um ótimo resultado: um saco de dormir quentinho e impermeável – protege os desabrigados do frio e da umidade, bastante comuns na estação mais fria do ano.

voluntárias transformam guarda-chuvas sacos dormir moradores rua
Sílvia e as outras voluntárias usam a criatividade para aquecer os moradores de rua no inverno

Leia também: Idosa celebra seu aniversário costurando casaquinhos e meias de lã para bebês carentes

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A ideia se espalhou e começaram a aparecer novas voluntárias dispostas a ajudar Sílvia. A iniciativa deu um salto depois que firmou uma parceria com o ‘Projeto Esperança Viva’, que serve refeições para os moradores em situação de rua.

voluntárias transformam guarda-chuvas sacos dormir moradores rua

O tecido usado na produção dos sacos de dormir custa em média 18 reais o metro. Portanto, o Semente do Bem depende de doações de guarda-chuvas e TNT, para a confecção dos sacos de dormir e das bolsas para carregá-los. Um único saco de dormir necessita de aproximadamente cinco guarda-chuvas.

voluntárias transformam guarda-chuvas sacos dormir moradores rua

Leia também: Mulher reforma bonecas do lixo e doa para crianças carentes

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As doações podem ser feitas na sede da organização, localizada na Rua 24 de maio, esquina com a Senador Corrêa, no Centro da cidade.

Confira a reportagem do Jornal do Almoço Rio Grande:

voluntárias transformam guarda-chuvas sacos dormir moradores rua

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

<img class="aligncenter size-full wp-image-101280" src="https://razoesparaacreditar.com/wp-content/uploads/2018/07/voluntarias-transformam-guarda-chuvas-sacos-dormir-desabrigados.jpg" alt="" width="702" height="403" />voluntárias transformam guarda-chuvas sacos dormir moradores rua

crédito das fotos: Jornal do Almoço Rio Grande/Facebook/Reprodução

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM






Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,994,891SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Em seu dia de folga, bombeiro salva senhora arrastada por correnteza durante temporal (CE); assista

Um bombeiro salvou a vida de uma idosa arrastada por uma correnteza durante um temporal em Fortaleza na última sexta-feira (18). O ato heróico do...

Os coleguinhas da escola chamaram ele de menininha porque gosta de pintar as unhas. Desde então seu pai agora faz o mesmo.

Somos apaixonados por pais que deixam seus filhos serem livres e de mente aberta para o mundo, por isso, saber de uma história como...

Cientistas conseguem transformar sangue tipo A em doador universal

Em um feito inédito, um grupo de cientistas da Universidade da Colúmbia Britânica, no Canadá, conseguiram transformar sangue do tipo A em doador universal,...

Primeira modelo com Síndrome de Down a estrelar campanha da Gucci e Vogue Itália

Ellie Goldstein tem 18 anos e acaba de se tornar a primeira modelo com Síndrome de Down a estrelar uma campanha da Gucci! Ela...

Canoa movida a energia solar está sendo usada como meio de transporte de comunidades da Amazônia

Já não é de hoje que estamos desenvolvendo maneiras mais sustentáveis de viver. O meio ambiente e o mundo animal precisam de soluções, para...

Instagram