140 voluntários promovem corrida para garoto que perdeu a visão

Primeiro, veio a casa nova, com a família toda reunida, e depois uma corrida, em que todos os participantes usaram vendas. Em pouco tempo, o garoto Natanael, 9 anos, realizou os dois sonhos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Natanael, os pais e seus cinco irmãos moram no Recife, Pernambuco. Ele perdeu a visão em decorrência de uma doença chamada Retinoblastoma Bilateral: um tumor maligno nos dois olhos. A família vivia em um barraco de tábuas e madeira: corria o risco de desabafar.

Leia também: Marido cria cadeira especial para esposa continuar desbravando montanhas

O garoto e os irmãs foram levados para um abrigo e só recebiam visitas dos pais nos domingos. Até que o ABRA entrou na história da família: os arquitetos voluntários arrecadaram dinheiro e ergueram uma nova casa para a família, na comunidade Irmã Dorothy.

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Natanael (à esq.) junto com a família antes da largada da corrida. Foto: Ana Gringa

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mesmo sem poder enxergar, Natanael adora correr pela casa e pelas ruas da comunidade: um dos seus sonhos é ser corredor. Os voluntários do ABRA decidiram realizar mais esse sonho, na pista de atletismo do Centro de Esporte Lazer e Cultura Alberto Santos Dumont, em Boa Viagem.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

“Tenho 9 anos, segundo filho de seis. Com 1 ano e 10 meses fui diagnosticado com Retinoblastoma Bilateral, um tipo de tumor maligno nos dois olhos, que me levou à perda total da visão entre meus 4 e 5 anos. Não tenho mais os olhos, mas isso não me tira o direito de sorrir, brincar, estudar e menos ainda de sonhar… E um dos meus sonhos é ser corredor!” . Se ABRAçamos o sonho de Natanael?! SEM DÚVIDAS! Agora ele passa a ser nosso também! E quanto mais braços para ABRAçar, melhor! . Quer saber como? Se liga no próximo post!

Uma publicação compartilhada por ABRA (@abra.arq) em

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Corrida com Natanael”

A “Corrida com Natanael” abriu inscrições para qualquer um correr junto com o garoto. A inscrição (35 reais) deu direito a um kit com camiseta + venda. Cerca de 140 pessoas se inscreveram para realizar o sonho de Natanael.

“Dividimos a corrida em dois momentos. O primeiro foi Natanael correndo à frente com o guia, e todos os participantes acompanhando e incentivando atrás. O segundo foi a experiência com olhos vendados. Nos dividimos em duplas, onde um ficou vendado e o outro guiando para sentir um pouco a ausência da visão e a necessidade de confiar no guia, depois trocamos as posições”, explicou Eline Letícia, voluntária do ABRA, em conversa com o Razões para Acreditar.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Foto: Ana Gringa

“Foi uma experiência única! Enquanto guia fiquei apreensiva pela responsabilidade em saber que minha dupla só dependia de mim, da minha voz pra acertar o caminho e chegar ao ponto determinado. Enquanto guiada, sem enxergar nada, no começo fui devagar, insegura, mas depois de pegar confiança e acelerar, a sensação de liberdade e sentir o vento no rosto, como disse Natanael: foi muito, muito, muito bom!”

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Foto: Ana Gringa

Leia também: Bicicleta para cegos se torna uma realidade em Volta Redonda

“O Natanael é uma pessoa incrível! Apesar da pouca idade, se tornou referência para muita gente. Perdeu os dois globos oculares entre 2 e 5 anos de idade por conta de um câncer e nem por isso se deixou abater, nós sempre o vemos sorrindo, alegre e de alto astral”, acrescenta o estudante de Direito, Felipe Charamba, guia de Natanael na corrida.

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Foto: Ana Gringa

“Participar da corrida foi uma experiência única pelo fato de nos colocarmos momentaneamente na condição da ausência da visão e ter que confiar na pessoa que estava nos guiando, sem falar da realização do sonho de uma criança.”

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Foto: Ana Gringa

Tratamento do Natanael

E olha que legal: todo o dinheiro arrecadado com as inscrições da corrida será revertido para o tratamento do Natanael!

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Foto: Ana Gringa

Veja mais fotos:

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Foto: Jana Menezes

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Foto: Jana Menezes

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Foto: Jana Menezes

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Foto: Jana Menezes

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Foto: Jana Menezes

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão
Foto: Jana Menezes

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

140 voluntários promovem corrida menino perdeu visão

crédito da foto de capa: Reprodução/Jana Menezes

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,505,556SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

[VÍDEO] Garotinho com síndrome de Down encanta a web ao dar mamadeira ao irmão mais novo

O amor entre dois irmãos está encantando a internet nas últimas semanas. Depois de um vídeo que mostrava um menininho com síndrome de Down...

Policiais acionados para acabar com brincadeira de crianças na rua se juntam a elas quando chegam

Através do Facebook a usuária Loren Phillips "denunciou" uma cena inusitada que já tem mais de 38 mil compartilhamentos! Algum morador de uma rua de Janesville,...

Família compra material escolar para irmãos que catavam papelão

Os garotos catavam papelão para comprar o material escolar deste ano.

Dove monitora batimentos cardíacos de homens ao descreverem a beleza de modelos e pessoas amadas

Se tem uma coisa que nenhuma super modelo pode nos causar, é a emoção genuína de um laço afetivo.

Atendente salva vítima de violência doméstica em falso pedido de pizza

Um atendente do serviço de emergência dos Estados Unidos recebeu a estranha ligação de uma mulher pedindo pizza. Utilizando palavras cruzadas e de duplo...

Instagram