Webdesigner parou de cobrar por seu trabalho e não se arrepende do que aconteceu

Um pai, e diga-se de passagem, de um bebê lindo, à alguns anos atrás chegou na conclusão de que, trabalhar em um emprego tradicional é algo ‘tóxico’. Adrian Hoppel, é um webdesigner na Filadélfia, atualmente ele utiliza um novo sistema na hora de apresentar seu trabalho para os clientes. Adrian não cobra mais dinheiro por seu trabalho. Ele começou a fazer uso do que chama de: “economia do presente”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Adrian explica em seu site: “Por mais de uma década eu trabalhei no mercado corporativo, e consegui o que tradicionalmente é considerado sucesso: Fui vice-presidente nos meus vinte anos, tinha grandes contas de despesas, roupas caras, viagens internacionais, bom salário, cheques de bônus e uma grande quantidade de material adquirido.         Mas eu me sentia mal, usado e amargurado. Todos os dias era como se eu fosse um ator, usando meu traje sob medida e recitando minhas falas ensaiadas, depois voltava para casa e tentava me reconectar com a pessoa que eu queria ser. Ficou cada vez mais difícil manter a aparência para o próximo show.”

Adrian explica sua filosofia de “economia presente” da seguinte forma: “Se nós decidirmos trabalhar juntos, eu vou construir um site como um presente. Depois que estiver pronto, eu o entrego a você. Então, se considerar que o projeto valeu a pena, pode escolher algo justo como presente. Não há nenhum contrato, nenhuma negociação, nenhuma pressão.”

Obviamente, para algumas realidades tal atitude seria impossível. Mas, a experiência de Adrian serve-nos para exemplificar o quanto nossa felicidade é o importante em todos os momentos, e o quanto nos anularmos é algo completamente tóxico. Podemos não adotar uma ”economia presente” de forma financeira, mas talvez possamos adotar uma “economia presente” com nós mesmos, ao invés de cobrarmos resultados perfeitos, podemos cobrar mais alegria!

512127-98d8e11e-8dfd-11e3-8dff-f6af7c30323d adrien o-ADRIAN-HOPPEL-facebook

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,271,435SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Escola irlandesa troca lições de casa por ‘atos de bondade’

Uma escola na Irlanda aboliu todas as lições de casa de seus estudantes por um mês em troca de um ato diário de bondade. A...

Mulher presenteia morador de rua com seu primeiro bolo de aniversário na vida

Não importa qual seja sua religião, o que importa é você praticar valores como solidariedade, respeito, acolhimento, que, no fundo, toda religião prega, não...

O escritório repleto de plantas nativas que busca oferecer um ambiente de trabalho mais saudável e menos estressante

A falta de verde no local de trabalho costuma ser uma reclamação de grande parte dos profissionais – e pode, inclusive, influenciar na produtividade das...

Uma seleção de imagens de animais que querem ser fotógrafos

Muitas vezes vemos fotografias de animais selvagens ou de fotógrafos tirando fotografias de animais selvagens. Mas o que dizer da vida selvagem sendo fotógrafa? Ou...

Árbitro decide paralisar partida entre Vasco e São Paulo após gritos homofóbicos

O jogo entre Vasco e São Paulo pela 16ª rodada do Brasileirão precisou ser interrompido abruptamente pelo árbitro Anderson Daronco neste domingo (25), por conta...

Instagram

Webdesigner parou de cobrar por seu trabalho e não se arrepende do que aconteceu 3