Zeladora de hospital se forma com rodo na mão: ‘Com esse dinheiro paguei a faculdade’

Plena e orgulhosa, a zeladora Erica Reis, que trabalha no Hospital Municipal de Jaru (RO), fez questão de lembrar em sua formatura de onde veio o dinheiro ganho para pagar sua faculdade.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No ensaio fotográfico com a beca, ela trouxe o rodo e o material de limpeza que utiliza todos os dias para trabalhar. Já são cinco anos trabalhando na unidade hospitalar, mesmo tempo que Erica precisou para se formar.

A zeladora é bastante conhecida no Hospital Municipal de Jaru. Os pacientes e funcionários da instituição relatam a alegria que ela transmite durante o expediente. Erica gosta de cantar o tempo todo enquanto trabalha.

Zeladora de hospital se forma com rodo na mão

Ensaio de presente

No final do ano passado, o fotógrafo Max Silva gravou um vídeo que mostra Erica cantando alegremente pelo hospital.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As imagens viralizaram, acumulando mais de 60 mil visualizações em um post do Facebook.

Muitas vezes chegamos em algum local público ou privado e não somos bem atendidos, mas essa Funcionária do HOSPITAL MUNICIPAL DE JARU (Erica)Dá uma verdadeira lição de que independente da função, todo trabalho é digno e deve ser feito com amor e dedicação.Video: Gravado pelo Médico Mário Roberto ! Obrigado meu querido.Edição: Para quem está vendo o vídeo, fizemos um ensaio Fotográfico da Érica no Hospital. Entre na minha linha de tempo que a Publicação está lá. Vc vai entender um pouco da História dela.

Publicado por Max Silva Fotografia em Sexta-feira, 8 de novembro de 2019

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Muitas vezes chegamos em algum local público ou privado e não somos bem atendidos, mas essa Funcionária do Hospital Municipal de Jaru (Erica) dá uma verdadeira lição de que independente (sic) da função, todo trabalho é digno e deve ser feito com amor e dedicação”, escreveu Max no post.

O Razões e o Educa Mais Brasil te ajudam a conseguir bolsa de estudo para cursos técnicos e profissionalizantes, cursos de idiomas, entre outras, clique aqui.

Comovido com a história da rondoniense, Max oferece um book fotográfico de presente para ela. As imagens foram publicadas há alguns dias no perfil do fotógrafo.

Zeladora de hospital se forma com rodo na mão

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Erica (a zeladora que canta) assim que ela gosta de ser chamada… se formou em Educação Física em setembro, pagando com o salário de zeladora!”, disse. “Ela é uma pessoa maravilhosa, um exemplo a ser seguido”, concluiu.

Veja mais fotos:

Zeladora de hospital se forma com rodo na mão Zeladora de hospital se forma com rodo na mão

Leia também: Estudantes fazem festa surpresa em homenagem ao zelador da escola

Zeladora de hospital se forma com rodo na mão Zeladora de hospital se forma com rodo na mão

[Nota de Redação]

O seu Zezinho tem 68 anos e nunca foi à escola. Ele queria muito aprender o alfabeto e finalmente poder escrever o próprio nome. Gentil toda vida, uma professorinha de 9 anos começou a ensinar o vendedor de picolé a ler e escrever.


Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.

Fonte: SNB/Fotos: Reprodução

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,773,760SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Estudantes baianas desenvolvem dispositivo capaz de detectar doenças através do sopro

As estudantes Julia Nascimento e Natália Nascimento, naturais de Feira de Santana, na Bahia, desenvolveram um dispositivo eletrônico capaz de identificar pelo menos 15 doenças...

Corrente do bem ajuda casal de idosos que vende flores no quintal de casa, em Santos (SP)

Hanae Muraoka Igari, de 81 anos, e o marido Sumio Igari, de 86 anos, trabalham com flores há 20 anos. Eles tinham uma floricultura...

Funcionários de clínica compram trailer para vendedora que trabalhava com carrinho de mão

Mesmo com salários atrasados e benefícios bloqueados, os funcionários de uma clínica do bairro Guaratiba, no Rio de Janeiro, não mediram esforços para ajudar...

Idoso sobrevive com jornal feito à mão no interior de São Paulo

Produzir um jornal feito à mão, em tempos de internet, é tarefa para as mentes mais ousadas.

Primeiro restaurante dentro de prisão gerenciado por detentos é inaugurado na Itália

InGalera é um experimento social real: pela primeira vez na história, uma prisão abre suas portas para as pessoas, permitindo-lhes experimentar uma realidade frequentemente distante e ignorada. Além disso, ele permite que presos sejam gradualmente inclusos na sociedade.

Instagram